Quem somos nós?

José Alexandre Zachia Alan formou-se em direito em janeiro de 1998 na Universidade Federal de Pelotas. Tomou posse no cargo de Promotor de Justiça em dezembro desse mesmo ano. Desde então, titulou a Segunda Promotoria de Justiça de Santa Vitória do Palmar, a Promotoria de Justiça de Pedro Osório e a Promotoria de Justiça Especializada de Camaquã. 

Atualmente, titula a Primeira Promotoria de Justiça Especializada do Rio Grande, cujas atribuições dizem com a tutela de interesses coletivos, notadamente Meio Ambiente e Probidade Administrativa. Desde dezembro de 2011 é Promotor Regional da Probidade Administrativa, com atuação em todas comarcas da metade Sul do Estado do Rio Grande Sul para os casos de impacto regional e relevância social destacada. 

Afastou-se do Ministério Público entre os anos de 2006 e 2007, ocasião em que esteve vinculado à Universidade de Lisboa, período necessário a que obtivesse o grau de mestre em ciências jurídico-criminais. 

Foi professor de direito penal da Faculdade de Direito da Universidade de Pelotas. Recebeu a menção honrosa no ano de 2006 do Prêmio Innovare, oferecido pelo Ministério da Justiça, por conta de iniciativa tomada na Comarca de Camaquã a garantir o direito de moradia adequada.

Também integra o quadro de profissionais vinculados à Fundação do Ministério Público, lecionando no curso de Pós-Graduação em Ciências Penais. Também integra o Conselho Editorial da Revista Iberoamericana de Ciências Penais.


Facebook.
Twitter.

Paulo Eduardo Nunes de Avila formou-se em ciências jurídicas e sociais em janeiro de 1998 na Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Advogou por cerca de quatro anos e meio, tendo ingressado no Ministério Público no ano de 2002. Desde então, atuou na 1.ª Promotoria Criminal de Alegrete, na 2.ª Promotoria de Torres, na 2.ª Promotoria Criminal de Santana do Livramento e na 3.ª Promotoria Cível de Rio Grande, de que ainda é titular.
Ocorreu um erro neste gadget